Preparos do exame

Painel Fusão para Diagnóstico Sarcoma, condições Oncologia, Vários Materiais

Outros nomes: Painel Fusão para Diagnóstico, Fusão diagnóstica em Sarcomas, Fusão diagnóstica em neoplasias de Cabeça e Pescoço, Fusão diagnóstica em neoplasia de sistema nervoso central, Detecção de fusão gênica para diagnóstico, Translocações, Diagnóstico sarcoma de ewing

Este exame não precisa ser agendado

Orientações para o cliente

I Exame:
Este exame consiste no sequenciamento e avaliação de regiões de fusões de 108 genes a partir de amostras de tumor emblocadas em parafina, seguida de análise das variantes genômicas por meio de inteligência artificial e interpretação dos dados clínicos e moleculares realizados por equipe especializada. O exame pode ser realizado em material obtido a partir de tecidos (blocos de parafina ou lâminas histológicas), sendo indicado para auxiliar no diagnóstico de neoplasias tais como: de sarcomas, do sistema nervoso central e de glândulas salivares. Os resultados são acompanhados por um laudo interpretativo, com dados que incluem as alterações identificadas e a relação com diagnóstico.

II Critérios de realização:
Para a realização deste exame é necessário solicitação médica.
É imprescindível que seja fornecida cópia do laudo anatomopatológico original da análise do material.
Poderão ser aceitos os seguintes materiais:
Fragmentos de tecido fixados em formalina 10% tamponada, embebidos ou não em parafina (enviar em temperatura ambiente);
Lâminas de corte histológico (enviar em temperatura ambiente)
Caso sejam enviadas somente lâminas para a análise, são necessárias no mínimo 16 (dezesseis) lâminas em branco (não coradas), não montadas; seção de 5µm de espessura, em portalâminas.

ATENÇÃO: Não serão aceitas lâminas com resina ou material fora das condições citadas acima.

O tecido deve ter sido fixado previamente em formalina tamponada o mais rápido possível após a biópsia ou cirurgia. A fixação deve ser de, no mínimo, seis horas e, no máximo, 72 horas. A adoção de cuidados na coleta e na fixação da amostra garantem o sucesso do teste.
Caso seja enviado fragmento de tecido sem análise prévia (biópsia), o material deverá ser submetido a exame anatomopatológico para confirmação do diagnóstico naquela amostra.
É necessário que a amostra tenha células tumorais não necróticas presentes em quantidade superior a 20%.
É importante salientar que o material enviado sempre será analisado por um médico patologista antes da realização do exame. Dessa forma, se o material enviado for insuficiente ou inadequado para o teste, o mesmo não poderá ser realizado.

Agendamento

Este exame não necessita ser agendado.

Prazo de Entrega

Em até 15 dias corridos às 22h

Convênio e cobertura

Consulte nossa  página de Convênios para mais informações

Particular e valores

Não tem convênio? Fale com a gente e consulte as condições especiais de pagamento particular

Faça em casa

Agora, você pode fazer exames de sangue, urina e fezes em casa, no trabalho ou onde preferir. Consulte as regiões de cobertura