Saiba o que é RTU de próstata e para quem é indicada

RTU de próstata, também conhecida como Ressecção Transuretral, é um procedimento endoscópico realizado para tratar uma das doenças mais comuns que atingem a próstata, a Hiperplasia Benigna de Próstata.

A próstata é um órgão do sistema reprodutor masculino, uma glândula que fica perto da bexiga e é responsável pela produção da substância que faz parte do sêmen.

Quando ela tem o seu tamanho aumentado, pode obstruir o fluxo de urina e causar dores. Em alguns casos, não há necessidade de fazer intervenções. Já em casos mais graves, um dos tratamentos mais recomendados é a RTU da próstata.

Neste texto, você vai saber mais sobre esse procedimento, entendendo quando é indicado, como é feito e quais são os cuidados necessários antes e depois da cirurgia.

O que é o RTU  de próstata?

RTU de próstata é uma cirurgia comum para tratar a Hiperplasia Benigna de Próstata, chamada de HBP. Ela é indicada para pacientes que apresentam dificuldades e dores na hora de urinar, causadas por causa do aumento do tamanho da próstata.

Os resultados da RTU de próstata costumam ser excelentes para a grande maioria dos pacientes (de 80% a 90%) e não afetam em nada a potência sexual ou a capacidade de ter orgasmos.

A única alteração nesse sentido é que, no momento da ejaculação, o esperma não sai pelo pênis — ele é direcionado para dentro da barriga e é eliminado na urina.

Hiperplasia Benigna de Próstata

Antes de saber como a RTU de próstata é realizada, que tal conhecer um pouco melhor a doença que ele trata?

A HBP é caracterizada pelo aumento da glândula, que, ao crescer, comprime a uretra e pode atrapalhar o fluxo de urina no organismo.

Essa é uma das doenças mais frequentes nos homens, especialmente a partir dos 50 anos de idade. Suas causas não são totalmente conhecidas, mas, além da idade, outros fatores podem estar associados ao desenvolvimento da doença, como:

histórico familiar;

dieta rica em gorduras;

níveis elevados de testosterona.

Principais sintomas

Na fase inicial da doença, nem todo paciente apresenta sintomas. Mas à medida que a próstata cresce, começam a surgir algumas queixas urinárias.

Essas são as mais comuns:

diminuição do jato urinário;

demora para começar a urinar;

sentir dor ao urinar;

necessidade de fazer esforço abdominal para urinar;

incontinência urinária durante o sono;

aumento da frequência das micções;

sensação de peso abaixo do umbigo;

sensação de não esvaziar completamente a bexiga.

Além desses sintomas, as alterações causadas nas funções da bexiga podem levar a outros problemas de saúde, como a formação de pedras, infecção do trato urinário e o aparecimento de sangue na urina.

Como é feita a RTU de próstata?

A RTU da próstata, também conhecida como raspagem da próstata, é uma cirurgia que tem o objetivo de desobstruir a uretra e aliviar os sintomas urinários do paciente.

Ela pode ser feita com dois tipos de anestesia — a anestesia geral ou a raquidiana, que é feita somente da cintura para baixo.

A cirurgia é realizada com um aparelho chamado ressectoscópio, responsável por remover o tecido excessivo da próstata. O aparelho é composto por uma corrente elétrica de alta frequência e equipado com uma câmera, por onde o médico consegue acompanhar tudo em tempo real por um monitor.

Depois da cirurgia, a bexiga é esvaziada por um catéter, que é utilizado também para irrigação contínua da bexiga e uretra com uma solução estéril para prevenir a formação de coágulos sanguíneos.

O paciente deve ficar com esse cateter até a completa cicatrização, quando consegue urinar livremente.

Quais são os cuidados para o procedimento?

Assim como em qualquer procedimento cirúrgico, é preciso tomar alguns cuidados especiais antes e depois da RTU da próstata. Veja quais são:

Pré-operatório

Antes da cirurgia, o paciente deve fazer diversos exames para garantir que o seu corpo tenha capacidade de passar pelo procedimento. Esses exames, normalmente, são ultrassom, tomografia e ressonância, além de exames cardiológicos solicitados pelo anestesista.

É importante levar todos eles no dia da cirurgia, pois, algumas vezes, o médico precisa consultá-los antes ou durante o procedimento.

Além disso, também é necessário fazer um jejum de 8 horas antes da anestesia, pois é necessário que o estômago esteja vazio nesse momento para evitar complicações.

É importante ressaltar que somente um médico especialista tem condições de indicar a Ressecção Transuretral.

Pós-operatório

No pós-operatório imediato, o paciente normalmente fica em uma sala de repouso, de onde recebe alta para o quarto quando estiver estável e quando o líquido da irrigação vesical estiver claro.

Depois da alta hospitalar, é preciso evitar esforço físico, manter uma dieta rica em fibras, para favorecer o trato intestinal, evitar a necessidade de fazer esforço na hora de defecar e seguir todas as orientações médicas.

Onde fazer RTU de próstata?

Se você quer fazer RTU de próstata em hospital particular e com preços acessíveis, a Saúde iD te ajuda a encontrar o melhor hospital com profissionais qualificados.

Esta empresa do Grupo Fleury reúne os principais estabelecimentos de São Paulo que oferecem esta e outras cirurgias com pagamento facilitado, tudo para você manter sua saúde em dia.

No site da Saúde iD, é possível comparar os valores e outras informações. Você tem um time dedicado que te acompanha durante toda sua jornada cirúrgica, tudo de forma rápida e de qualidade.

O objetivo é te ajudar a cuidar da sua saúde com preços justos e de forma segura, sem pegar grandes filas de espera. Acesse o site saudeid.com.br e confira todos os detalhes.


20/09/23

20 de setembro de 2023

Compartilhar:

Últimas Notícias

    Ver todas as notícias